28 fevereiro 2007

PARABÉNS, RIO DE JANEIRO

----------------------------------------------------------------------------------
Apesar do alto preço que pagou nos últimos 40 anos por acolher governantes demagogos, oportunistas e arrivistas, o Rio de Janeiro continua sendo, queiram ou não, a mais linda cidade do mundo. Ela sabe que é bonita, provoca ciúmes, mas não liga pra isso... FELIZ ANIVERSÁRIO, nossa amada cidade do Rio de Janeiro.
----------------------------------------------------------------------------------

15 Comments:

Blogger valter ferraz said...

Adelino, tua cidade é linda. Mas o que fizeram e ainda fazem com a pobre não se comenta.
Às vezes me pergunto: como puderam transformar um lugar tão lindo, com tantas possibilidades no que é hoje.Décadas de descaso, políticas urbanas erradas(ou a falta delas, sei lá) promoveram a Cidade Maravilhosa a um belo cartão postal que queremos ter na estante mas que não desejamos visitar.
Falo em meu nome, claro. Estive várias vezes no Rio. Sempre à trabalho(tanto a Embratel como a Petrobrás tinham os seus centros de decisão aí). Ainda devo à Aninha uma viagem de turismo até aí e não sei se ainda vou poder cumprir. Campos do Jordão eu conseguí. Também Noão Pessoa e Olinda. Outras estou no débito.
Bom, mas acho que estou desviando do assunto. Hora de parar.
Um abraço

quinta-feira, março 01, 2007  
Blogger valter ferraz said...

Adelino, corrija aí por favor: João Pessoa. Este teclado aqui tá parecendo o do Fernando, aquele que jogou fora faz tempo.

quinta-feira, março 01, 2007  
Blogger O Meu Jeito de Ser said...

Parabéns ao Rio de Janeiro, e, claro, a todos os seus filhos.
Um abraço

quinta-feira, março 01, 2007  
Anonymous Adelino said...

VALTER, o problema a que você se refere não é privilégio nosso. É mais divulgado, isso sim, por razões até mesmo turísticas. Acabo de ouvir na CBN sobre uma menina de 13 anos baleada na medula aí Moema. Como pode? Cariocas têm medo de visitar SP, paulistas de visitar o Rio, mineiros idem com relação a SP e RJ e vai por aí num "campeonato" sem vencedor...
Já corrigi sobre João Pessoa, Valter. Valeu.
Um abração.

quinta-feira, março 01, 2007  
Anonymous Adelino said...

ANNA, muito obrigado em nome de todos os cariocas de nascença, de coração, de adoção, de opção, de paixão etc. Fiquem com Deus.
Um abraço

Ps - Anna, muita gente pergunta por que motivo aqui não é feriado. O feriado é no dia de São Sebastião (padroeiro do Rio), induzindo as pessoas a pensarem que naquele data é o aniversário do Rio.
Abs

quinta-feira, março 01, 2007  
Blogger O Meu Jeito de Ser said...

Na verdade era exatamente isso que eu pensava, que o aniversário do Rio, fosse em 20 de janeiro, dia de S Sebastião.
Abraços

quinta-feira, março 01, 2007  
Blogger Denise Sollami said...

O maior pesar que tem o carioca é o de ter perdido a cidade que teve um dia.
Tenho uma tristeza por isso, agravada pela percepção de que jamais voltará a ser o que era.
Ainda assim, parabéns, cidade minha!

quinta-feira, março 01, 2007  
Anonymous Eduardo said...

Tudo isso que esta entristecendo cariocas e brasileiros, um dia passará e então o Rio voltará a ser, além da mais bonita, a melhor cidade do mundo para se viver!E olha, sou paulista!E otimista!

quinta-feira, março 01, 2007  
Blogger Deize said...

Com toda a razão, continua sendo a cidade mais linda do mundo e indo nas águas do paulista otimista, um dia teremos novamente orgulho de nossaS cidadeS, sem medo de visitá-las....

Beijos, Adelino, é um prazer ler seus posts.

quinta-feira, março 01, 2007  
Anonymous Helô said...

Eu sei que a violência está cada dia pior, Adelino, mas você sabe da minha paixão pelo Rio. A violência hoje está em todas as grandes cidades e, por incrível que pareça, já atinge boa parte das pequenas. Mesmo assim, não deixo de ir aí e achar o Rio a cidade mais bonita de todas que já conheci. A geografia é magnífica, é de tirar o fôlego o conjunto mar e montanha. Vamos torcer para que os próximos governantes cuidem bem da Cidade Maravilhosa. Bela foto!
Beijos.

sábado, março 03, 2007  
Anonymous Adelino said...

Anna, contam as lendas que São Sebastião teria ajudado no combate a franceses/holandeses que tentavam invadir a Baía de Guanabara ou algo assim, motivo daquele Santo ter sido escolhido como padroeiro da cidade.
Obrigado, Anna.
Abraço

sábado, março 03, 2007  
Anonymous Adelino said...

DENISE SOLLAMI, vou te contar uma história (estória, como quer o Valter): em 1956 eu e meu irmão fomos ao Maracanãzinho assistir ao Concurso Miss Brasil daquele ano (não era "programa de índio", não...)Ganhou a Adalgisa Colombo, que nem era a nossa favorita, pois torcíamos pela linda candidata de Pernambuco, que acabou ficando em segundo lugar. O Concurso, que começou no sábado, acabou à 1h da manhã de domingo. Pois bem, passamos tranquilamento à pé em frente à Favela do Esqueleto (esqueleto porque ali existia uma grande obra interrompida, e existiam somente as estruras de concreto). Posteriormente Carlos Lacerda construiria ali a UEG - Universidade do Estado da Guanabara, atual UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. As conduções já tinham parado; passamos ali em frente na maior tranquilidade, à pé, sem qualquer problema; as pessoas moradoras nos olhavam e até nos cumprimentavam. Numa boa. Sorte? Pode ser, e pode não ser.
Bons tempos das duplas Cosme e Damião... E tinha até guarda Noturno, que apitava, um numa esquina e outro na outra...
Beijos

sábado, março 03, 2007  
Anonymous Adelino said...

Pode ser, DEIZE, mas acho que vai demorar muito. Não adianta falar em desenvolvimento, fazer isso aquilo, falar em tursimo, crescimento industrial etc, se a base de tudo é Segurança. O nosso Governador agora veio com uma conversa meio estranha, falando manso, sei não. Houve um filme considerado um dos clássicos do cinema de todos os tempos,com Rita Hayworth e Glenn Ford, cujo cartaz promocional dizia: "Nunca haverá uma mulher como Gilda" (era o personagem de Rita)... Então, parafraseando o panfleto do filme eu diria: "Nunca haverá um Governador como Lacerda"...
Beijos, Deize.

sábado, março 03, 2007  
Anonymous Adelino said...

HELÔ, em 1980 eu fiz um trabalho baseado num excelente indicador econômico gerido por nós, por meio do qual eu previra que o Estado do Rio, na época o segundo estado em poderio econômico da Federação (metade de SP), perderia a sua posição para Minas Gerais, e em seguida para o Rio Grande do Sul, isto dentro dos próximos 5 anos. Foi um escândalo. Nem quiseram colocar no relatório final. Infelizmente não deu outra. Contribuiu muito para a fuga de empresas que aqui pretendiam se instalar ou já instaladas (Fiat, Souza Cruz por exemplo), a maciça propaganda negativa que outros governos estaduais espertamente promoveram contra o nosso estado, descarada e escancaradamente. Somente os nossos governadores e vice-governadores intransigentes e obtusos, arrivistas, e demagogos não percebiam isso. Tinham pensamento-micro, e não macro. E vai por aí.

O meu Rio é o Rio de todos os tempos, de toda a vida. Mas como era bom o Rio do bonde (no bom sentido), do Guarda Noturno, dos Cosme e Damião, do Maracanã com 140 mil pessoas; das praias da Ilha com suas águas límpidas, do Diário de Notícias, do Correio da Manhã, do Diário Carioca, dos lotações, dos mata-mosquitos; da Tonelux, da Ducal, da Sears e da Mesbla; da deserta Praia de São Conrado, do Palácio Monroe, do Cineac Trianon, do Metro-Tijuca; do Galeão antigo, do Jacinto de Thormes, do Ibrahim Sued; dos verdadeiros Vasco da Gama, Botafogo, Flamengo e Fluminense e tantas outras coisas.
Chega.
Beijos

sábado, março 03, 2007  
Anonymous Maria das Graças. said...

Adelino.
Sonhamos com uma reforma completa em nosso sistema educacional.
Quando nossos governantes perceberem que não é só estar na mídia, embaixo de holofotes e começarem a lutar por um mundo mais amigo;aí teremos uma democracia justa.
Mas também dependerá de cada cidadão,fazendo o seu papel de filho desta Cidade Maravilhosa,que como eu, filha de coração a reverencio.

Maria das Graças.

quinta-feira, abril 30, 2009  

Postar um comentário

<< Home