18 fevereiro 2007

ENDLESS SUMMER BILLY JOE

(Foto digital - Adelino P Silva)
______________________
Tivemos um cãozinho de estimação da raça Beagle, tricolor. Chamava-se Billy Joe. Endless Summer Billy Joe, este o nome oficial. Nasceu em 17-03-1984. Extremamente simpático, fazia o que bem entendia. No início contratamos um adestrador para lhe dar aulas de boas maneiras. Pagamos adiantado, o adestrador sumiu. Se foi porque recebeu adiantado, não sei dizer. No calor, Billy abria a porta da geladeira com as patinhas, deitava-se junta a ela, e ali dormia tranquilamente com o seu "condicionador de ar" ligado... Só percebíamos mais tarde. Com cerca de dois meses de idade engoliu de uma só vez um Big Mac que eu tinha colocado ao meu lado para ir saboreando aos poucos enquanto lia. Foi uma correria louca, mas não adiantou nada, e nem lhe fez mal. Mordeu o calcanhar de um vizinho que tentou cortar caminho pulando um muro de nossa casa. Comeu duas carteiras de identidade, um CPF e um talonário de cheques. Subiu numa cadeira e bebeu uma taça de vinho que estava sobre a mesa... Lambeu um bolo de aniversário e bebeu Coca-Cola... Em suma: era um encanto de cachorro, uma gracinha... Mas nós o adorávamos. No carro ele viajava na parte trazeira, sempre brincando com as crianças que lhe acenavam do carro de trás. Billy Joe nos deixou em 22-06-1995. Tristeza geral. Nós o entregamos ao Veterinário para as providências de praxe (não o vimos mais)... Limpando o estofamento do carro verifiquei que ali ficaram depositados muitos pelos tricolores do Billy Joe. Resolvi homenageá-lo. Reuni uma boa quantidade deles, coloquei-os num saquinho plástico, e os enterrei ao pé de um ipê no nosso jardim. Sobre o local, uma pedra de granito pintada de branco, em forma de pirâmide, que rolava de um canto para outro sem destinação certa. Pedi para que ninguém a removesse dali. E demos àquela pedra branca, ao pé do ipê amarelo, o nome de Memorial a Billy Joe. Está lá até hoje...
______________________
(Na foto, no primeiro plano, ipê com a pedra piramidal)

3 Comments:

Blogger O Meu Jeito de Ser said...

Puxa Adelino, que delícia de jardim heim?
Parabéns.
Agora a história do cão, nós também já tivemos os nossos, até que disse ao Valter, não quero mais animais assim, acabamos criando um elo e um carinho tão grande, e quando eles se vão, é só sofrimento.
Mas gostei da atitude de voces, e, claro do jardim.
Um abraço

segunda-feira, fevereiro 19, 2007  
Blogger valter ferraz said...

Adelino, este teu cão era especial mesmo, hein?
E o "descanso" simbólico que vc fez também é muito especial. Sensibilidade e carinho.
Forte abraço

segunda-feira, fevereiro 19, 2007  
Blogger fernanda said...

OLÁ SR,
SOU FERNANDA MACEDO ,CANIL ENDLESS SUMMER, ONDE BILLY JOE NASCEU.
FIQUEI FELIZ EM SABER Q FOI QUERIDO E BEM TRATADO.
CONTINUO COM A FAMILIA DE JOE E GOSTARIA DE FOTO DELE PARA O SITE DO CANIL.
OBRIGADA POR TER DADO TANTO AMOR À ELE !!!!!!!HOJE MORO EM GUARATIBA COM A CRIAÇÃO.
GDE ABRAÇO,
FERNANDA

domingo, março 11, 2007  

Postar um comentário

<< Home