01 abril 2009

PRIMEIRO DE ABRIL - São Paulo FC

------------------------------------------------------------------
Lembrei-me que hoje é primeiro de abril. Dia da mentira. Para variar vou contar um caso real relativo a este dia. Não pesquisei nada a respeito, não consultei nada, vivenciei o fato e apenas recorro à minha lembrança pessoal. Portanto, se alguém quiser acrescentar ou corrigir algum detalhe será bem recebido.


Década de 50. Comunicações difíceis, precaríssimas. Os grandes clubes brasileiros excursionavam pela Europa com muito sucesso. Jogavam até na neve. Venciam todos os jogos. Atlético Mineiro, Vasco, Palmeiras, São Paulo, este o protagonista da historinha que vou resumir. O tricolor viajou no final de março para uma excursão dessas (1953/1954). A Rádio Pan-Americana foi a única emissora a acompanhar o querido clube paulista. Dias depois, inesperadamente dão início a narração de um jogo que seria a estréia do tricolor. Com estática e tudo. A voz de Pedro Luiz ondulava, aumentando e diminuindo de volume. Uma lástima. O São Paulo sofria gols a cada minuto: 1x0, 2x0, 3x0, 4x0, 5x0. Final do primeiro tempo. Segundo tempo: 6x0, 7x0, 8x0... Terminado o jogo, a torcida do São Paulo decepcionadíssima, triste, claro. Foi então que veio o “desmentido”. Era dia primeiro de abril. Para alívio do torcedor sãopaulino tratatava-se de uma brincadeira da Rádio Pan-Americana: o São Paulo nem tinha estreado ainda naquela que viria a ser uma vitoriosa excursão pelos gelados gramados da Europa... Mas que o susto foi grande, foi...
-------------------------------------------------------------------

Imagem: http://www.spfc.net/

15 Comments:

Blogger Cristiane said...

Adelino,

Que susto heim???
Rs...eu me lembro dos dias primeiro de abril de antigamente, na minha infância eu tentava ficar ligada, atenta, os amiguinhos estavam sempre tentando me pegar uma mentira pelo dia primeiro de abril,rs
Hoje, a impressão que eu tenho, é que foi ficando esquecido, você não acha???

Uma boa tarde para você!

quarta-feira, abril 01, 2009  
Blogger Maria Augusta said...

Adelino, mas esta brincadeira judiou da torcida sãopaulina. Quando criança brincava muito com o "Dia da Mentira", agora realmente ficou mais raro.
Abraços.

quarta-feira, abril 01, 2009  
Blogger Cris said...

Sou como voce, nesse aspecto: contar verdades . É mais fácil , inclusive, contamos apenas com a nossa memória.

Beijo, lindo.

quarta-feira, abril 01, 2009  
Anonymous Anônimo said...

Adelino:

Obrigado pela memória.
Saudades do Alfredo que juntamente com Idário, foram meus técnicos no Nacional A.C.
Tempos bons e felizes antes de ir para "aquêle" time da Zona Leste (que até hoje,é um 1º de Abril).

Günther.

quarta-feira, abril 01, 2009  
Anonymous Luttchi said...

Já estava com saudade do seu blog, grande Adelino...
Se bem me recordo, eu, juntamente com a Keila, ajudamos a inspirá-lo para criar um blog... aliás... apenas demos um empurrãozinho para que nos presenteasse com este talento seu que já existia aí dentro.

Adorei a historinha, como torcedor apaixonado do São Paulo, vou repassá-la para alguns amigos meus.

Um saudoso abraço, do amigo.

Luttchi

quarta-feira, abril 01, 2009  
Anonymous Adelino said...

Pois então, Cristiane, tinha umas brincadeiras de primeiro de abril que nem eram interessantes. Passavam sustos. Coisas de criança. Nos dias de hoje a data foi caindo no esquecimento.
Uma boa tarde para você também. E um ótimo final de semana.

sexta-feira, abril 03, 2009  
Anonymous Adelino said...

A torcida do São Paulo sofreu, mas depois gostou da brincadeira da Rádio Pan-Americana (especializada em esportes).
Parece, Maria Augusta, que em Brasilia a tradição permanece, tanto que é comemorado de terça a quinta-feira. A cada discurso…
Um abraço. Feliz final de semana.

sexta-feira, abril 03, 2009  
Anonymous Adelino said...

Cris, o interessante mesmo é contar o que vivenciamos, o que vimos sob nosso ponto de vista na ocasião do ocorrido. Os detalhes e as certezas ficaríamos sabendo muito tempo depois, pelas pesquisas.
Beijos. Feliz semana nova.

sexta-feira, abril 03, 2009  
Anonymous Adelino said...

Günther, você deve ter muita coisa interessante para contar. O Nacional FC era um bom time. Lembro-me do Juventus (Rua Javari), do Ipiranga também. O XV de Piracicaba era muito conhecido. Se não me engano Barbosa, o grande goleiro que fez nome no Vasco e na seleção brasileira veio do Ipiranga. Lembro ainda um time do São Paulo que tinha como “linha média” Bauer, Ruy e Noronha (Os três mosqueteiros). Os quatro grandes de São Paulo eram São Paulo, Palmeiras, Corinthians e Portuguesa de Desportos. Depois veio o Santos FC. Idário, se não me engano jogou no Corinthians.
Um grande abraço. Feliz final de semana.

sexta-feira, abril 03, 2009  
Anonymous Adelino said...

Luttchi, posso até ter omitido algum detalhe interessante, mas na essência foi o que aconteceu. Hoje seria impossível um “primeiro de abril” daqueles, quando podemos acompanhar o Obama dentro da Casa Branca… As informações são instantâneas.
Aquela era a época das telefotos… Fotos e notícias vinham por rádio, por cabo submarino, pela Italcable, Western Union, ITT, UPI, Agência Reuters, BBC. Nada de satélite, que era apenas um sonho.
Grande abraço. Feliz final de semana.

sexta-feira, abril 03, 2009  
Anonymous peri s.c. said...

Adelino
Esta história foi relembrada na última quarta-feira na Radio Bandeirantes, no progama diário das 8:00 da manhã, pelo Joelmir Betting e pelo José Paulo de Andrade ( os dois começaram na área esportiva, "trocentos" anos atrás ). O jogo teria sido contra o Milan, só que disseram que o locutor foi o Geraldo Josè da Almeida.

abraço

domingo, abril 05, 2009  
Anonymous Adelino said...

Peri, excelente o seu esclarecimento. Como eu disse no início do post, o fato existiu, e se alguém tivesse alguma observação a fazer seria bom, pois eu estava repetindo o que ficara gravado em minha memória de quase criança, não pesquisei, não li e nem ouvi outros contemporâneos.
O Joelmir Betting deve estar com a razão. Eu me lembro que o Geraldo José de Almeida era tricolor doente. E era da Rádio Record, a Maior... Era tão sãopaulino que certa vez, narrando um São Paulo 2 x 3 Vasco, no Pacaembu, quando de um contra-ataque do Vasco ele gritou apavorado: - Lá vem a bola para a “NOSSA” área... Eu falei no Pedro Luiz, porque ele também era um excelente locutor, mas da Rádio Pan-Americana. Se foi contra o Milan também não me lembrava. Mas a informação deles deve ser a mais exata. O importante é que o fato foi real mesmo.
Um grande abraço. Feliz semana nova.

domingo, abril 05, 2009  
Anonymous Adelino said...

Peri, um adendo: acabo de ver num site do São Paulo FC que a emissora que transmitiu o tal jogo foi mesmo a Pan-Americana, hoje a JOVEM PAN. Foi em 1951, brincadeira "tramada" por Paulo Machado de Carvalho. E o resultado tinha sido de 8x1 para o Milan. Como vê, muitas versões. O importante é que a brincadeira aconteceu mesmo, não é?
Um grande abraço.

domingo, abril 05, 2009  
Blogger Manual do Inseguro.com said...

Também sou dada a lembranças. De primeiro de abril, lembro-me de várias passagens que empalideciam nossos rostos infantis e algum tempo depois o alívio da lembrança do dia suplantava e inspirava revanches. Adorei conhecer o seu blog. Abraços.
Ficaria muito feliz também se me visitasse no adestradordesentimentos.blogs.sapo.pt

quarta-feira, abril 15, 2009  
Anonymous Adelino said...

Stella Tavares, infelizmente somente hoje vi seu comentário.
Tenho o hábito (não muito bom, por sinal), de não retornar aos posts anteriores.
Gostei muito do seu blog, e antecipadando à sua licença, linquei-o entre os meus favoritos.
Um grande abraço, emuito obrigado.
PS - Farei uma visita ao "Adestrador de Sentimentos" também, oportunamente.
Abs

sábado, junho 20, 2009  

Postar um comentário

<< Home